segunda-feira, 24 de novembro de 2014

SONHOS E DESEJOS




Bom dia Empreendedoras!!
 
O sonho do outro deve ser respeitado e cuidado e nossos sonhos? onde eles estão?

Falando de sonhos..estou sonhando  com um espaço de dialogo e construção conjunta com mulheres que sonham e realizam, com mulheres dispostas a fazer mudanças na sua vida. Estou chegando quase chegando aos 55 anos de vida e cada dia descubro como é gostoso seguir  desejando, sonhando e realizando. 
Então, estarei nesta página destacando mulheres, projetos de mulheres, artigos, resenhas de livros, cursos, ideias e projetos tudo o que acontece ENTRE MULHERES.

Reiniciamos este blog com um excelente artigo de Erika de Souza Bueno, os dados da fonte e link com maiores informações vocês podem conferir no final da postagem, uma boa leitura...


 Você Deseja ou Apenas Sonha?    Quando o querer é maior que o sonhar

Todas as pessoas podem ter sonhos, metas, objetivos... e desejos. Contudo, aquelas que intencionam atingir metas ou alcançar objetivos precisam definir o ponto de chegada que se quer alcançar, pois não se sabendo aonde chegar, nunca se chegará a lugar nenhum.Vale pontuar que não é somente o ponto de chegada que precisa de atenção para que se tenha sucesso na realização de sonhos/desejos. Ter conhecimento sobre o ponto de partida é fundamental neste processo, pois senão haverá aumento nos riscos de frustrações, uma vez que não se saberá exatamente como estão as bases que abrirão os caminhos para o sucesso almejado.


Até porque não podemos ser inconsequentes com os nossos sonhos e desejos. Se não tivermos base sólida para a concretização de algum deles, será necessário trabalhar primeiro em função desta base para, somente depois, pensar em metodologias que permitirão a realização do que ainda está na esfera da mente e do coração.

Há muita confusão entre o que se entende por sonho e desejo. É preciso se ter clareza (principalmente nós, educadores, que estamos diariamente em contato com os mais diferentes ideais de vida de nossos alunos) da definição de um e outro termo, ou seja, do que cada qual significa verdadeiramente para cada um de nós.

Isso porque no momento que se tiver necessidade (física ou emocional) de viver algo, pode-se perceber que existe um grande abismo de diferenças entre o que é sonhar e o que é desejar. Talvez no momento em que se perceber isto, seja tarde demais para quaisquer intervenções significativas.
É importante fazermos este exercício conosco mesmo, ou seja, procurarmos delimitar o que realmente queremos para nós mesmos daqui para frente. Digo “para nós mesmos” porque é muito mais simples sonhar algo referente às nossas próprias vidas e histórias, pois é mais fácil de se conseguir concretização (se é que a buscamos).

Com isso, não quero dizer que o sonho e desejo para o outro devem ser evitados. De forma nenhuma, sonhar e desejar para alguém são formas válidas e autênticas de mostrar que há amor dentro de nós em relação ao outro, desde que, evidentemente, tais sentimentos sejam dignos de permitir o bem-estar de alguém, daquele a quem nós sonhamos por eles.

Para ajudar você a definir o que são sonhos e desejos, aconselho a fazer uma espécie de seleção para dois times, ou seja, time do “sonho” e time do “desejo”. Antes, porém, convém dizer que definir o que são sonhos e desejos não significa viver irrequieto, buscando sempre ter mais, aliás, os sonhos/desejos não precisam buscar somente “ter” mais, mas, sim, “ser” cada dia mais e melhor.

Continuando, sonhos são tudo o que faz nossos olhos brilharem, mas como há dificuldades no direcionamento de alguma energia para a realização daquilo que está somente no âmbito do “não concreto”, não há a menor previsão de datas para se viver aquilo que é sonhado.

Desejos, diferente do sonho, são evidenciados quando sentimos nossos corações bater mais forte face a algo cobiçado e, em vez de ficarmos imóveis, definimos caminhos para alcançar o objeto desejado, ou seja, não apenas envolvemos o coração, mas as nossas mentes e os nossos corpos também estão agindo em função do que queremos obter.

Para melhor esclarecer estes pontos, alguém pode sonhar em cursar uma faculdade, por exemplo, sonhar tanto até isso existir numa esfera em meio às noites de sono, enquanto se descansa de tudo o que é vivido na realidade concreta, mas se não houver busca pela materialização deste ideal, isso terá apenas características de sonho, jamais de desejo.

Quando se deseja, há busca, há trabalho, há esforço. Quando apenas se sonha, isso poderá até fazer os olhos brilharem e o coração bater mais forte, mas dificilmente se tornará realidade.

Todas as pessoas podem ter sonhos, metas, objetivos... e desejos. Contudo, aquelas que intencionam atingir metas ou alcançar objetivos precisam definir o ponto de chegada que se quer alcançar, pois não se sabendo aonde chegar, nunca se chegará a lugar nenhum.
Vale pontuar que não é somente o ponto de chegada que precisa de atenção para que se tenha sucesso na realização de sonhos/desejos. Ter conhecimento sobre o ponto de partida é fundamental neste processo, pois senão haverá aumento nos riscos de frustrações, uma vez que não se saberá exatamente como estão as bases que abrirão os caminhos para o sucesso almejado.
Até porque não podemos ser inconsequentes com os nossos sonhos e desejos. Se não tivermos base sólida para a concretização de algum deles, será necessário trabalhar primeiro em função desta base para, somente depois, pensar em metodologias que permitirão a realização do que ainda está na esfera da mente e do coração.
Há muita confusão entre o que se entende por sonho e desejo. É preciso se ter clareza (principalmente nós, educadores, que estamos diariamente em contato com os mais diferentes ideais de vida de nossos alunos) da definição de um e outro termo, ou seja, do que cada qual significa verdadeiramente para cada um de nós.
Isso porque no momento que se tiver necessidade (física ou emocional) de viver algo, pode-se perceber que existe um grande abismo de diferenças entre o que é sonhar e o que é desejar. Talvez no momento em que se perceber isto, seja tarde demais para quaisquer intervenções significativas.
É importante fazermos este exercício conosco mesmo, ou seja, procurarmos delimitar o que realmente queremos para nós mesmos daqui para frente. Digo “para nós mesmos” porque é muito mais simples sonhar algo referente às nossas próprias vidas e histórias, pois é mais fácil de se conseguir concretização (se é que a buscamos).
Com isso, não quero dizer que o sonho e desejo para o outro devem ser evitados. De forma nenhuma, sonhar e desejar para alguém são formas válidas e autênticas de mostrar que há amor dentro de nós em relação ao outro, desde que, evidentemente, tais sentimentos sejam dignos de permitir o bem-estar de alguém, daquele a quem nós sonhamos por eles.
Para ajudar você a definir o que são sonhos e desejos, aconselho a fazer uma espécie de seleção para dois times, ou seja, time do “sonho” e time do “desejo”. Antes, porém, convém dizer que definir o que são sonhos e desejos não significa viver irrequieto, buscando sempre ter mais, aliás, os sonhos/desejos não precisam buscar somente “ter” mais, mas, sim, “ser” cada dia mais e melhor.
Continuando, sonhos são tudo o que faz nossos olhos brilharem, mas como há dificuldades no direcionamento de alguma energia para a realização daquilo que está somente no âmbito do “não concreto”, não há a menor previsão de datas para se viver aquilo que é sonhado.
Desejos, diferente do sonho, são evidenciados quando sentimos nossos corações bater mais forte face a algo cobiçado e, em vez de ficarmos imóveis, definimos caminhos para alcançar o objeto desejado, ou seja, não apenas envolvemos o coração, mas as nossas mentes e os nossos corpos também estão agindo em função do que queremos obter.
Para melhor esclarecer estes pontos, alguém pode sonhar em cursar uma faculdade, por exemplo, sonhar tanto até isso existir numa esfera em meio às noites de sono, enquanto se descansa de tudo o que é vivido na realidade concreta, mas se não houver busca pela materialização deste ideal, isso terá apenas características de sonho, jamais de desejo.
Quando se deseja, há busca, há trabalho, há esforço. Quando apenas se sonha, isso poderá até fazer os olhos brilharem e o coração bater mais forte, mas dificilmente se tornará realidade.


Um comentário:

  1. Mindset Avançado 2015
    Para Empreendedores e Para Quem Deseja Construir Um Negócio de Sucesso
    Inscreva-se GRATUITAMENTE Aqui:
    http://goo.gl/Ar1qFt
    É gratis mesmo!

    ResponderExcluir